não canso de olhar #02

1719330

Desde que eu vi essa foto no jornal na última quarta-feira, eu não consigo parar de olhar pra ela. Coloquei até no meu mural. Espero que ela entre para as páginas dos livros de história. Eu diria que é uma obra-prima do Brasil moderno com uma pitada Barroca, quase uma releitura de A Última Ceia, do Renascentista Leonardo da Vinci.

Essa fotografia consegue resumir toda a bagunça que o nosso país está passando: comer na mesa de trabalho como medida desesperada porque nada o que já foi feito conseguiu barrar o avanço da reforma trabalhista que, veja só, vai fazer muitos funcionários, de fato, comer na mesa de trabalho para não perder tempo; homens brancos e velhos (e empresários, talvez?)  tentando deslegitimar o movimento, bravos por não serem o centro da atenção.

Pedro Ladeira, muito obrigada por criar essa obra-prima.

não canso de olhar #01

Processed with VSCO with hb2 preset
Foto por Danielle Drislane

Quando eu abri o feed do meu tumblr e dei de cara com essa fotografia, não consegui parar de olhar. Meus olhos ficaram ali, fixos, admirando a beleza da modelo e as cores que se complementam.

Fiquei aqui, pensando que eu nunca conseguiria chegar num resultado tão fantástico com tão pouco. A modelo usa uma maquiagem simples e uma blusa da Ferrari, o fundo desfocado lembra um arbusto ou alguma árvore. O vermelho da blusa se equilibra perfeitamente com o verde da folhagem e a pele tem o tom perfeito e reluzente. A cor dos olhos se aproxima da cor do fundo, que acompanha o detalhe da blusa e da alça que pode ser do soutien ou de uma outra blusinha.

Apesar dos bonitos olhos, não são eles que me fazem mergulhar na foto. Talvez seja o vermelho. Ah, o vermelho sempre hipnotiza… Mas, não podemos dar o crédito apenas a isso, todo o conjunto tem uma força magnética.

E eu, não me canso de olhar.